Expansão com Soro Ringer Lactato aumenta o Lactato?

Essa é uma dúvida muito comum na prática clínica, se meu paciente já está com hiperlactatemia não seria um contra-senso fazer expansão com Soro Ringer Lactato (SRL)? Afinal, o lactato não é um grande vilão?

Bem, a polêmica existe porque os conceitos são mal interpretados. É lógico que expandir com SRL vai aumentar o lactato, pois estamos administrando 28mEq/L de lactato com essa solução! E isso representará algum dano ao paciente? Eis o “x” da questão, intuitivamente fazemos a associação de que lactato é ruim portanto se fizermos SRL vamos piorar nosso paciente! 

O lactato não é um “veneno” que vai intoxicar o paciente, por outro lado poderiam dizer que vai elevar o valor sérico e adulterar as próximas medidas de gasometria. Realmente existe evidência de que o lactato sérico irá aumentar, Charles Philips e cols. publicaram em 2008 um estudo em animais e encontram os resultados abaixo. No grupo que recebeu SRL houve hiperlactatemia sem acidose e no grupo do SF0,9%, normolactatemia com acidose importante!

Philips e cols. 2008

O que existe é que enquanto o SF0,9% promove acidose pela hipercloremia, o SRL promove o oposto, pois parte do lactato será convertido em glicose pelo fígado (consumindo H+ nessa reação) e outra parte será oxidado como fonte de energia, consumindo H+ e produzindo bicarbonato. Além disso, terá bem menos efeito no cloro sérico.

Referências

Lactate metabolism: a new paradigm for the third millennium.

Resuscitation of haemorrhagic shock with normal saline vs. lactated Ringer’s: effects on oxygenation, extravascular lung water and haemodynamics

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *